Pular para o conteúdo principal

Dica #2 - Pré-alfabetização e alfabetização

Seguindo a série de posts com dicas especiais, hoje vou abordar uma outra questão super recorrente entre as famílias que estão começando o homeschooling ou que já o praticam mas somente agora se depararam com essa necessidade: como, afinal, alfabetizar as crianças.

Em meu curso "Homeschooling 1.0" explico detalhadamente a superioridade do método fônico sobre os métodos silábico e global. Aqui, porém, resumirei a questão ao seguinte: se nós, quando bebês, aprendemos primeiro a discernir os sons para depois reproduzi-los aos balbucios, por que é que na hora de aprender a comunicar por escrito não haveríamos de seguir a dica que a própria natureza oferece, isto é, por que não deveríamos de, primeiro, aprender a discernir os sons da fala para então aprendermos como expressá-los por escrito? No curso, também sugiro alguns outros cursos e materiais que conheço e que ensinam a alfabetizar pelo método fônico, tais como o do prof. Carlos Nadalim e a cartilha "A casinha feliz". No entanto, na época em que fizemos as gravações, ainda não conhecíamos o livro "Consciência fonológica em crianças pequenas", de Marilyn Jager Adams e outros, publicado pela editora Artmed. O livro é uma tradução adaptada da versão americana, mas apesar da aparente inadequação que isso possa sugerir, o trabalho de Regina Ritter Lamprecht e de Adriana Corrêa Costa foi muitíssimo bem sucedido. Tanto é assim que abolimos tanto o curso do prof. Carlos quanto "A casinha feliz" e ficamos só com o livro.

O modo como ele é estruturado é extremamente didático, favorecendo ao leitor leigo na área, tal como eu e a esmagadora maioria dos pais homeschoolers, na aplicação dos exercícios, partindo do mais simples e elementar ao mais complexo e difícil. Além disso, e provavelmente o melhor de tudo, o livro oferece, ao final, a sugestão de cronograma de dois anos inteiros de trabalho com as crianças, abrangendo a pré-escola e a primeira série, dia a dia, com os exercícios a serem realizados. Por fim, nos anexos, há ainda ampla sugestão de bibliografia e de materiais que podem subsidiar as atividades, desde livrinhos de parlendas, poesias, até joguinhos educativos. Enfim, um serviço completo àqueles que querem alfabetizar em casa com segurança, autonomia, e sem gastar muito.


Deixo abaixo algumas fotos do livro.

Capa
Contracapa
Sumário (1)
Sumário (2)
Sumário (3)
Parte do cronograma de atividades
Gostou da dica? Compartilha! Já conferiu a dica #1, sobre coordenação motora? Clica aqui! Já está sabendo de tudo que está programado para o mês de maio aqui no Encontrando Alegria? Então confere aqui!

Comentários

  1. aaaaaaaaaa a melhor dica do ANO!!! Obrigada!!

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada por compartilhar conosco essa riqueza!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom. Mas não estou encontrando este livro em site nenhum!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você já tentou o site da própria editora?

      Excluir
    2. Eu também já olhei em alguns sites e não achei, na editora esta indisponível. :(

      Excluir
  4. Ola, unicos lugares que encontrei para comprar no amazon (site internacional) e estante virtual (site nacional) eu ja fiz minha compra pelo estante virtual. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Bom dia! Camila, obrigada pela preciosa dica!
    Graças a Deus tenho um marido persistente! rs. Procurei tbm e não achei para comprar, mas o meu maridão...
    Ele achou numa clínica de avaliação psicológica que também é livraria, lá em Campinas. O nome é LLAP.
    http://www.llapcampinas.com.br/
    Acabei de fazer a compra pela internet.
    Agora é torcer para chegar logo!

    ResponderExcluir
  6. Camila, o livro desapareceu do mercado. Não tem em nenhuma livraria da internet, nem na estante virtual, nem no livronauta. Está esgotado na editora. Procurei também nos sites das bibliotecas aqui do estado do rio e também não achei. Nessas circunstâncias, será que você poderia postar o pdf do livro para a gente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, Carrati, não poderia e não o tenho.
      Aproveite a dica da Juliana no comentário acima.

      Excluir
  7. Infelizmente, recebi um e-mail agora dizendo que estão cancelando o pedido do livro, pois está em falta. Poxaaaaa...

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente esta obra "Consciência Fonológica" não será mais publicada. Entreivem contato com a distribuidora aqui no Rio de Janeiro (Mp Mariano) e na matriz (Grupo A - ArtMed - 0800 703 3444) e fui infornado que não há um exemplar sequer em lojas ou distribuidiras no país, foram tudos recolhidos! A atendente me aconselhou enviar um email para sac@grupoa.com.br pedindo aos editores que voltem a publicar a obra. Também não souberam informar se foi um problema autoral ou se vão reedita-lo. Façamos nossa parte!!!

    ResponderExcluir
  9. Acabou de aparecer na SARAIVA:
    http://www.saraiva.com.br/consciencia-fonologica-em-criancas-pequenas-190421.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Luiz Fernando!!!! É sob encomenda, e tem que aguardar um e-mail para confirmar a disponibilidade do fornecedor! Mas já é uma luz no fim do tunel!! rsrsrsrrs

      Excluir
  10. Acabei de fazer meu pedido na Saraiva!
    Retiro em 12 dias no shopping da minha cidade.
    Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  11. Comprei pelo site da Amazon Brasil. Chegou super rapido! AMEEEIIII

    ResponderExcluir
  12. Camila, com quantos anos você começa a alfabetizar seus filhos??

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Abertura à vida: plena confiança em Deus

Não é novidade que eu e meu marido temos quatro filhos. Mas talvez seja novidade para quem nos acompanha há pouco tempo que somos abertos à vida, isto é, que não fazemos nenhum planejamento familiar, não adotamos controle algum de natalidade, nem artificial, nem natural. Em outras palavras, não, a fábrica não fechou, para horror dos parentes, amigos, inimigos, médicos e ativistas por um mundo melhor - todos aqueles que, graças a Deus, não pagam nossas contas.

E por falar em contas, ao contrário do que se possa pensar, nossa decisão não tem absolutamente nada a ver com questões financeiras. Não, nós não somos ricos - e não somos mesmo, diferentemente daqueles que dizem isso para posar de modestos e são hipócritas, pois têm todas as garantias possíveis para viver uma vida tranquila. "Mas minha nossa, que irresponsabilidade!", muitos de vocês devem estar pensando, e, bem, este é um modo de ver as coisas, mas não o nosso.

Nós somos cristãos e acreditamos que toda a vida é fruto …

A mulher artificial e a luta pela mulher verdadeira

Dias atrás, uma aluna marcou-me em um post de uma entrevista da feminista Elisabeth Batinder. Eu não a conhecia e, apesar dos visíveis problemas em sua argumentação, fiz o esforço de ouvi-la até o fim. Antecipo que a entrevista completa renderia páginas e páginas de refutação, pois está repleta de falácias, mas circunscrevo aqui minhas objeções à tese, apresentada logo ao início e que me parece fundamental, de que não existe instinto materno.
Batinder começa afirmando seu prazer em observar os pais e mães às voltas com os seus filhos nos parquinhos europeus, e que por conta desse hábito, acabou percebendo nos rostos das mães o quanto elas parecem entediadas e alienadas naquele mundo materno. Até aí, nada de errado, afinal, quantos de nós já não vimos algo assim ou não nos sentimos assim? No entanto, após um salto argumentativo olímpico, ela conclui, com base em tal observação, que, obviamente, a maternidade não é uma coisa natural para a mulher como o é para as macacas, de modo que, re…

Dicas de planejamento de homeschooling

Muitas famílias homeschoolers já retornaram às atividades de estudos, mas há muitas que, assim como nós, por diferentes razões, espicharam um pouco mais as férias. Assim, apesar da época já um tanto adiantada, resolvi compilar aqui algumas dicas para quem quer fazer um bom planejamento de estudos para este ano mas tem encontrado alguma dificuldade ou simplesmente não tem experiência no assunto.
Antes, no entanto, de passar às dicas propriamente ditas, convém esclarecer que não abordarei aqui a questão dos materiais (qual é o melhor, qual é o pior, onde comprar, se existe para download, etc.). Nas dicas, meu foco será a família, as pessoas envolvidas no homeschool. Por desimportante que possa parecer, se a família não está funcionando bem, há grandes chances de o seu homeschool fracassar.
Todavia, quem precisar de ajuda na seleção/avaliação dos materiais, ou precisar de algum auxílio mais pontual, sugiro duas possibilidades: ou o nosso curso Homeschooling 1.0, onde oferecemos todo o pass…