segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Ideias sórdidas


Um dos argumentos mais sórdidos usados contra o homeschooling é aquele que diz que os pais homeschoolers tiram as crianças da escola para poderem abusar delas sem inconvenientes. Sem nem entrar na questão da leviandade e da doença mental de quem afirma uma coisa dessas sem oferecer prova alguma, sem mencionar caso concreto algum, levanto aqui dois pontos:

Primeiro: Quem quer molestar, abusar, espancar ou matar uma criança não precisa nem nunca precisou tirá-la da escola para isso. Se fosse assim, todas as crianças escolarizadas estariam num mar de segurança (basta vocês olharem essa página para verem como o caso, em verdade, é precisamente o contrário).

Segundo: Seguindo essa mesma linha de raciocínio nojenta, poder-se-ia dizer então que quem envia as crianças para a escola o faz por não suportar conviver com elas e desejar ficar afastado o máximo possível?

É fácil dizer besteira e ter opinião pronta sobre o que não se conhece. Difícil é aguentar uma resposta à altura.

0 comentários:

Postar um comentário