segunda-feira, 24 de novembro de 2014

O que o homeschooling fez por sua família?

Dias atrás, inspirada por uma página norte-americana, o Simple Homeschool, decidi reunir testemunhos e dar espaço para que diversas famílias contassem um pouco sobre como o homeschooling mudou suas vidas, sobre como as coisas melhoraram a partir do momento em que tomaram as rédeas da educação de suas crianças.

O propósito dessa iniciativa? Fortalecer quem já pratica e encorajar quem ainda não pratica, mas deseja praticar o ensino em casa!

Assim, aqui vai o primeiro depoimento, de autoria da minha amiga Géssica Hellmann, da página no facebook "Valorizando o conhecimento com educação domiciliar".

Logo no início de 2013, estávamos angustiados com a escola que nosso filho mais velho frequentava, tanto pela péssima qualidade de ensino quanto pela distorção dos valores morais em atitudes “politicamente corretas”.
Enquanto tentávamos encontrar uma solução para esse problema, chegou a nossas mãos um artigo muito inspirador da Camila Abadie sobre a prática do Home Schooling.

Foi nesse momento que um mundo novo se abriu diante de nossos olhos. Foram necessárias algumas semanas para que meu marido e eu decidíssemos pela educação domiciliar. Como estávamos no meio do ano letivo, decidimos manter o menino na escola até o final do ano, para iniciarmos essa nova fase com dedicação integral. Foi o período necessário para pesquisar materiais, livros, conteúdos e fazer o planejamento para o ano seguinte.

Diferente do ano anterior, 2014 foi um ano iluminado, criativo e enriquecedor. Nossos dois filhos sentiram-se muito mais autoconfiantes, amigos e felizes. Aprenderam muito mais nesse ano do que inicialmente havíamos planejado.

Hoje são capazes de explicar com suas próprias palavras os assuntos mais variados. Se interessam por conteúdos novos, livros se tornaram seus companheiros inseparáveis.

Estamos confiantes pelo caminho que escolhemos percorrer junto com nossos filhos. Agradecemos a Deus a oportunidade de ajudá-los a crescer na fé, com valores morais e éticos e, a cada dia, valorizando o conhecimento.
Você gostaria de contar a história de como a educação domiciliar mudou a sua família? Então escreva-me! encontrandoalegria@gmail.com ;) 

Um comentário:

  1. Camile, você e a Géssica são uma benção! Admiro muito as duas e apesar de não praticar a educação domiciliar, hoje sou uma mãe, esposa e pessoa bem melhor e boa parte disso eu devo a vocês. Muito obrigada por compartilhar conosco de algo tão maravilhoso. Deus as abençoe!

    ResponderExcluir