Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

A vida cristã na infância

Dias atrás publiquei um post que tornou-se bastante compartilhado no facebook. Dizia o seguinte:
Eu juro que não entendo. O pessoal deixa a criança por duas horas no cultinho infantil de domingo ou leva a criança à missa uma vez na semana e, durante o resto do tempo, deixa a criança entregue às novelas, aos desenhos, aos vídeo games dos mais violentos e esperam ainda que as criaturinhas sejam discípulas de Cristo! É uma luta MUITO desigual! É mais ou menos como exercitar-se por 2 horas semanalmente e nas outras muitas horas entregar-se a todo tipo de comilança! Não funciona! Não tem como dar certo! Você nunca terá um corpo atlético desse jeito, assim como seu filho nunca se tornará um cristão se continuar recebendo essas informações díspares e esse evangelho em pequenas quantidades. Pais, vocês PRECISAM SE DECIDIR: ou investem para valer na vida interior e espiritual de suas crianças ou as entreguem de vez ao mundo. Ou uma coisa, ou outra. O que não é possível, o que é in…

Escola católica contra a fé católica

Conforme prometido, publico aqui a denúncia que recebi neste dia 19 de fevereiro de uma mãe do Belém do Pará. A denúncia é relevante porque mostra que não são apenas as disciplinas tradicionais - como história, filosofia, sociologia e até a pseudo-disciplina de educação sexual - que estão repletas de distorções, mentiras, desrespeitos e erros. Agora, até mesmo a educação religiosa, pasmem, em uma escola confessional católica, está contra a fé cristã. Assim, leiam a carta que a mãe enviou à escola, explicando a solicitação de liberação das crianças da referida disciplina e abram os olhos para o que tem sido ensinado às crianças até mesmo neste assunto. Que Deus abençoe e proteja a corajosa família e que eles sirvam de inspiração a muitas outras, para que não nos submetamos mais a isso tudo a que nos querem reduzir e deformar.



Belém, 26 de janeiro de 2014.



Prezada G.,

Protocolei na secretaria do colégio, documento solicitando a dispensa dos meus filhos (S. e F.) nas aulas de Ensino Relig…

Uma entrevista arquivada

A entrevista abaixo foi concedida ao meu amigo Jarbas Aragão, do Gospel Prime, em novembro do ano passado, mas por algum motivo não foi publicada. Assim, tomei a liberdade de publicá-la aqui para vocês. ;)
Camila, o que é ser ativista cristão?

Eu não sei, Jarbas. O meu trabalho com o blog, no facebook e, agora, na rádio VOX, são decorrências da minha vida junto à minha família. Eu me considero uma mulher cristã, uma esposa e uma mãe que compreendeu a sua vocação e que procura vivê-la ao máximo e da melhor maneira possível, pois é isso o que me faz feliz e que eu creio que Deus espera de mim. Se escrevo ou falo defendendo o homeschooling, o direito à vida e os valores tradicionais da cultura ocidental é porque amo e defendo aquilo em que acredito. Não se trata de uma "causa", mas de vida real e amor. Todo o resto é consequência disso.


O que o cristão pode fazer além de compartilhar e curtir no face?
Olha, eu também não sei. O que eu fiz foi parar de querer corresponder…

Material de estudos para 2014

Já estamos na segunda semana de aulas por aqui... E nada de eu voltar à ativa na blogosfera.

Quem me acompanha no facebook está sabendo: mudamos inesperadamente de residência agora em janeiro. Então, o que era para ser um período de férias tranquilo e sem novidades transformou-se num corre-corre: seleciona, guarda, encaixota, transporta; depois: desencaixota, limpa, guarda... E tudo isso com os três pequenos. Mas, enfim, valeu a pena. O novo lar é maior e mais bonito que o anterior. Estamos todos felizes e gratos a Deus.

Agora, expostos os devidos motivos para tanta demora, vamos ao que interessa. Afinal, o que selecionei para trabalhar com a Chloe neste ano?

Para começar, tomei a seguinte decisão: antes de adentrar em novos conteúdos, começamos revisando o que havíamos estudado no ano que passou. Claro, refiro-me aqui aos conteúdos de português e matemática, que foi o que trabalhamos sistematicamente. As outras matérias apareceram apenas de maneira eventual.
Então, em se tratando de ma…

A escola dos bárbaros e o sonho de Lênin

O texto abaixo é de autoria de Daniel Fernandes,  um professor de filosofia e história e amigo meu que teve a bondade de fazer um resumo comentado, especialmente para o Encontrando Alegria,  da obra "A escola dos bárbaros"

Atentasa todos os passos do desenvolvimento da moderna pedagogia, Isabelle Stal e Françoise Thom, mostram, de maneira contundente, no livro A escola dos bárbaros, que uma explosão de inovações esquerdizantes, seguida de uma entronização crescente de falsas ciências e de geringonças pedagógicas no processo de “renovação dos colégios” afastou a escola de seus objetivos tradicionais, transformando-a num campo de experimentação aberto a todas as utopias coletivistas empenhadas na criação de um “homem novo”.
Essencialmente niveladora, porque não exige nenhum esforço real, a escola, transformada numa máquina de desaprender, tornou-se um lugar “mediocrizante” e “barbarizante”. Mantendo sempre os olhos fixos no horizonte da igualdade utópica, a nova pedagogia, ins…