Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2013

Feliz Natal!

Gente querida que nos acompanha, nos lê e nos ouve, eis aqui um presentinho de Natal para vocês! Graças ao nosso leitor-jedi Jeferson Pereira Leal, temos aqui o pdf de um livro recomendadíssimo para pais que querem aprimorar o desenvolvimento das crianças entre 0 e 5 anos de idade! Obrigada, Jeferson! Aproveitem!

Este tem sido um ano abençoado também graças a vocês. Muito obrigada a todos os que nos escreveram compartilhando suas histórias, suas dúvidas, manifestando apoio ao nosso trabalho. Muito obrigada também àqueles que contribuíram financeiramente ou com materiais para o aprimoramento daquilo que temos vivido em casa e dividido com vocês!

Que Deus os abençoe com um Natal cheio da presença amorosa do Aniversariante! E um ano novo em que encontremos ainda mais alegria!

Currículo Acadêmico "sexualiza" crianças de escolas americanas

Comentário prévio: Diferentemente do que podem pensar alguns, os EUA também têm enfrentado uma série de graves problemas em seus materiais didáticos. No entanto, lá, ao contrário daqui, os pais reagem, protestam, mobilizam-se e vão às origens do problema, isto é, ao CCSS, órgão que seria o equivalente ao nosso MEC.  Que nos sirvam de inspiração diante dos tantos abusos do Ministério da Educação e Cultura.

por Mary Jo Anderson (tradução: Helena Yoshima)
O distrito estudantil de Newburry, Nova Iorque, retirou um livro da nona série, considerado pelos professores como sendo "pornográfico". Uma mãe no Arizona iniciou uma avalanche de protestos que forçou escolas do Arizona a retirarem de circulação um livro na decima-primeira série que exibia adolescentes em relação sado-masoquista. Um superintendente de uma escola católica admite que havia dois livros de primeira série, sobre famílias - que incluíam fotos de casais homossexuais - listados no website de currículo acadêmico catól…

Crianças do Lami

É, eu sei. Nem bem saímos em férias e já estou de volta. Mas é por uma causa nobre, acreditem. ;)

Há algumas semanas, nosso pároco, o Padre Márcio, vem pedindo doações para o trabalho que um outro sacerdote, o Pe. Fernando, vem realizando na Comunidade São José do Lami. A comunidade tem cuidado de crianças no turno inverso ao da escola, oferecendo-lhes comida, lanche, atendimento psicológico, pedagógico e espiritual. Em nossa paróquia, temos arrecadado alimentos, como vocês podem ver no folheto da imagem. Mas ocorreu-me que, dada a grande quantidade de visitas que recebo aqui no blog, poderia fazer algo mais.


Não preciso dizer que as crianças do bairro Lami, aqui de Porto Alegre, são pobres. Mas, não bastasse a escassez de recursos materiais, há também casos de violência física, abuso sexual, sem falar na rotina emocionalmente alienante, dado o grande tempo  que as crianças passam diariamente longe da família.Padre Fernando tem sido corajoso e ousado em muitos sentidos, inclusive contra…

Férias. Férias? Férias!

Este tem sido um ano inesperadamente especial, embora dramático em ocasiões diversas. Muitas coisas mudaram, assim como muitas coisas novas aconteceram. Comecei a compartilhar sobre minha família com vocês aqui no blog. Retiramos Chloe da escola. Abandonamos o protestantismo e tornamo-nos católicos. Perdemos amigos. Ganhamos inimigos. Conquistamos amigos. Recebemos, diretamente de Deus, cheio de saúde e paz, nosso Nathaniel, o terceiro filho. Começamos o programa na Rádio VOX. 
Como vocês vêem, muitas coisas para um ano só. Como vocês não vêem, mas por certo podem imaginar, o fastio já dá sinais. Dias atrás é que apercebi-me dele, quando senti um desejo de férias. 

Mas, afinal, em que consistem as tais "férias" para uma mãe que educa os filhos em casa e cujo marido não entrará em férias? Não, não se apiedem de mim. Não tenho lá grandes desejos por viagens no momento. Nem sinto a menor vontade de ficar longe dos meus filhos ou de minha casa. Para mim, as férias serão um tempo e…

Hoje o tempo me deu uma rasteira

Hoje o tempo me deu uma rasteira. Fiquei no chão, estática, olhando ele correr disparado e me deixando para trás, sem pena, sem paciência, sem tempo. Hoje, minha Chloe surpreendeu-me duplamente. Justo ela, que ainda brinca com o Benjamin, que disputa com ele como se tivesse a mesma idade. Justo ela, que arruma as bonequinhas, que se desenha como princesa, às vezes com o terço na mão, outras vezes com a espada, quase uma Joana D'Arc.

Há poucos dias descobrimos o aplicativo Duolingo, para aprendizado de língua estrangeira. Temos usado os exercícios de inglês e ela tem adorado. Hoje à tarde, porém, fui colocar os meninos para tirar um cochilo e acabei cochilando junto por alguns minutos. Quando voltei, ela estava no facebook comentando uma foto de um rapaz que eu nem sei quem é. O rapaz estava sem camisa, musculoso, bronzeado. E ela havia escrito "muito bonita a sua foto". Fiquei chocada. Então ela já acha alguns homens bonitos?! Até pouco tempo ela achava horrível homens se…

Sexualização nas escolas (2)

Tenho recebido várias mensagens, comentários e emails a respeito do post "Sexualização nas escolas" desde a sua publicação, cerca de duas semanas atrás. Há desde gente agradecendo e relatando situações semelhantes vividas em outras escolas e em outras épocas, até gente dizendo que a cartilha é uma montagem, que não é distribuída pelo governo, que, no fundo, é uma boa ideia, afinal "se a gente não ensina, eles aprendem na rua" e outras pérolas ainda maiores.

Os fatos são os seguintes: com a publicação do post no Mídia sem Máscara, o número de pessoas que tomou conhecimento do caso cresceu de modo impressionante, de maneira que outras pessoas passaram a publicar em seus próprios blogues o meu texto. Num destes casos, o dono da página Libertar.in, Marcos Paulo Goes, achou por bem editar as imagens contidas na cartilha, colocando tarjas pretas sobre as genitais das figuras, acrescentando comentários como "É isso o que você quer para os seus filhos?", "Dou…