domingo, 5 de maio de 2013

O que é "Encontrando Alegria"


Grandemente se regozijará o pai do justo, e o que gerar um sábio, se alegrará nele.
Provérbios 23:24
Grandemente se regozijará o pai do justo,
e o que gerar um sábio se alegrará nele.
(Provérbios 23: 24)

Sobre o blog

Embora a educação domiciliar não seja proibida em nosso país, também não é explicitamente garantida por lei, já que a nova Constituição (de 1988) exclui da alçada dos pais tal responsabilidade, restringindo-a ao Estado. Ou seja, teoricamente, aqui no Brasil a educação parece ser um compromisso dos governantes com o povo. No entanto, cada vez aumenta mais o número de famílias que percebe a insuficiência daquilo que as escolas oferecem, optando, então, pelo ensino em casa, também conhecido como homeschooling, ou ainda, por um modelo híbrido, no qual as crianças continuam frequentando a escola mas recebem também um intenso acompanhamento no lar.
O nosso caso, meu e de minha família, é precisamente este último. Temos a felicidade de termos nossa filha matriculada em uma escola pequena, bem próxima de casa, e que apesar de pública, tem sido sensível às nossas críticas e sugestões. Claro, nosso cuidado é diário e constante, muitas vezes precisando mostrar com clareza os erros cometidos pelos professores e colegas. Ou seja, optar por manter as crianças na escola é também um esforço de lutar contra erros frequentes, não apenas quanto aos conteúdos propostos, mas especialmente quanto aos padrões morais apresentados e, em alguns casos, até admirados pelos demais.
Pensando nisso tudo e levando em conta o incentivo de alguns amigos é que resolvi criar este blog: como um espaço de compartilhamento de experiências, desafios, atividades e, sobretudo, de encorajamento a outras famílias cristãs que se deparam diariamente com o desafio de, por um lado, resistir às investidas prejudiciais de um Estado irresponsável e muitas vezes nocivo, mas mantendo-se dentro da lei, e, por outro, criar seus filhos como discípulos de Cristo para a glória de Deus.


Sobre mim

A foto já tem alguns bons meses, por isso mostra apenas dois de meus filhos, o Benjamin e a Chloe. Atualmente, eu, Gustavo e as crianças aguardamos a chegada de mais um bebê!

Além de mãe, sou esposa e dona-de-casa em tempo integral, e, apesar de à epoca já ser convertida à fé cristã, foi com a chegada da Chloe, há 7 anos, que, aos poucos, fui abrindo mão da conclusão de um doutorado em Filosofia e do desenvolvimento de uma carreira na área. Fui progressivamente compreendendo a importância do papel de mãe (o qual é delegado por Deus) e o fato de que não havia tempo a esperar para cuidar da minha família, enquanto que, ao contrário, havia e há tempo para o desenvolvimento de uma carreira.

Todos os meandros dessa guinada, que partiu de uma mentalidade secular para uma mentalidade efetivamente cristã, não cabem em um post introdutório. Espero ir deslindando-os ao longo do tempo por aqui, não somente para que vocês me conheçam, mas para que também possam compreender melhor alguns fenômenos que, por estranhos que sejam, estão ocorrendo, em nossos dias, no seio da igreja cristã e marcando profundamente a vida de nossas crianças, nos impedindo de encontrar a verdadeira alegria que existe em ser mulher, esposa e mãe.





This entry was posted in

8 comentários:

  1. Que linda sua história! Tiro o chapéu para você. Merece todo o meu respeito. Deus te abençoe muito e que você abençoe muitas famílias com esse blog. Conte comigo!

    Adna Souza Barbosa

    ResponderExcluir
  2. Blog inspirador, mensagens inspiradoras. Que Deus os abençoe.

    ResponderExcluir
  3. Estou muito feliz de ter encontrado seu blog.Obrigada por compartilhar coisas tão preciosas.

    ResponderExcluir
  4. Que maravilha. Você está de parabéns! E lembre-se que você não largou sua vida profissional, pois o maior e mais importante mestrado e doutorado na vida é justamente este que você corajosamente está compartilhando conosco. Que Deus continue iluminando o seu caminho e o de sua linda família. Com todo respeito e admiração, mais uma vez parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns Camila! Dou graças a Deus por saber que existem pessoas aqui no Brasil que se preocupam verdadeiramente com a educação. Sou solteira, mas creio ser vocacionada ao casamento, então desde já quero buscar referências para ser uma mãe-professora. E também, como cristã, me sinto no dever de mostrar às pessoas a verdade, para que não se deixem iludir pelo Estado, sem ter a real noção de quão deplorável está a maioria das escolas em nosso país. Peço a Deus para que abençoe grandemente você e seu bolg!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Camila! Dou graças a Deus por saber que existem pessoas aqui no Brasil que se preocupam verdadeiramente com a educação. Sou solteira, mas creio ser vocacionada ao casamento, então desde já quero buscar referências para ser uma mãe-professora. E também, como cristã, me sinto no dever de mostrar às pessoas a verdade, para que não se deixem iludir pelo Estado, sem ter a real noção de quão deplorável está a maioria das escolas em nosso país. Peço a Deus para que abençoe grandemente você e seu blog

      Excluir
  6. Oi Camila, descobri o seu blog pesquisando sobre sites e matérias sobre homeschooling e achei sensacional, uma verdadeira bênção de Deus. Os conteúdos são ótimos e bem explicados o que ajuda e muito na compreensão do tema,tenho um filho de 9 anos que precisa urgentemente de minha orientação em tempo integral, mas ainda tenho muitas dúvidas sobre o assunto, por exemplo como faço para começar a praticar essa modalidade de ensino, como devo me impor diante da sociedade, quem devo procurar, e muitas outras dúvidas que tenho fé que serão esclarecidas com o tempo. Por favor me ajude!!!!! Parabéns pelo blog e pela familia linda!!!!!!

    ResponderExcluir